Terça-feira, 31 de Janeiro de 2012

Reunião de Câmara de 18 de Janeiro

Uma reunião pública, sem público

QUEREMOS TER RESPONSABILIDADE

 

Estabelecem as regras da Democracia que a participação activa dos cidadãos é fundamental para o desenvolvimento, promoção e melhoria da vida nas cidades. É uma participação individual mas também  é colectiva.

E se os homens têm de viver em sociedade, essa situação levá-los-á necessariamente a debruçarem-se sobre as questões de natureza política, sob pena de se auto-excluírem das decisões que possam dizer-lhes respeito ou que comprometam o seu ambiente social.

Por tais razões, esta participação activa constitui um incremento da qualidade da democracia.

Acontece, porém, que actualmente, os cidadãos parecem cada vez mais desinteressados das questões políticas, mesmo quando estas se revelam da maior importância para a resolução dos problemas imediatos das suas comunidades, das suas cidades, das suas vidas.

Tal situação poderia ilustrar-se com o que aconteceu na Reunião de Câmara do passado dia 18 de Janeiro, nos Paços do Concelho de Loulé, reunião que era para ser pública mas em que os munícipes primaram pela ausência, como se pode verificar na foto que encima este apontamento.

 

O actual desinteresse geral pelas questões políticas é uma situação preocupante. Até há pouco tempo o desinteresse parecia ser apenas pela vida partidária, em que as manobras de bastidores, encenações e insultos, demagogia e mentira têm sido o "pão nosso de cada dia"; mas hoje, ele revela-se em todas as situações e sob qualquer pretexto. O cidadão comum intuiu acusações generalistas: que os políticos têm o descaramento de dizer que assumem o poder para servir e não para se servirem da política, quando, à vista de todos, “eles” asseguram bons tachos para quando terminarem o mandato, e arrumam em lugares bem remunerados amigos e familiares: Intuiu que “eles” se impõem  à custa de trair, manipular, mentir, para esconderem a sua mediocridade.

Pode esse desinteresse ser também causado pelas dificuldades que qualquer cidadão sente quando pretende participar activamente sob a cobertura de uma sigla partidária. A sua filiação, ainda que tenha sido por livre e espontânea vontade, não lhe garante qualquer voz dentro do partido e isso, ao invés de o estimular, leva-o ao descrédito e à renúncia, deixando que o poder político se concentre ao alcance de oportunistas e de quem tem o poder económico.

Mas esse desinteresse pode também ser causado apenas pela inter-pretação que é dada à democracia representativa. Perpassa na generalidade dos cidadãos um entendimento de que as decisões políticas devem ser tomadas de cima para baixo e que, por isso, devem ser acatadas, toleradas e respeitadas, mesmo se vão contra a vontade da maioria. “Lei é lei; cumpra-se, portanto.

 

Auguste Comte, no fim do século XVIII,escrevia:Quão doce é obe-decer quando podemos desfru-tar da felicidade de estarmos desobrigados, por dirigentes sábios e ilustres, da responsa-bilidade premente da direcção da nossa conduta.”

Foi assim que, entre nós, um Estado Novo morreu de velho mas só depois de esmagar os portugueses durante quase cinquenta anos.

Há que encontrar um antídoto que combata este amorfismo actual e todos temos responsabilidades nesse combate: cidadãos comuns, políticos, colectividades e partidos.

Afinal, também queremos ter responsabilidade na direcção da nossa conduta.

- O - O - O - O - O -

publicado por hortense morgado às 18:32
link do post | favorito

*quem sou eu

*Escreva-me

Este blog foi criado para si. Serei intérprete, junto da Câmara Municipal de Loulé, dos anseios, das sugestões ou das reclamações que os munícipes queiram enviar- me. Responderei tão depressa quanto me seja possível. hortense.morgado@sapo.pt

*pesquisar

 

*Outubro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


*posts recentes

* LÍDER DA BANCADA SOCIALIS...

* REMANDO CONTRA A MARÉ

* SONHEI QUE PODERIA SER ÚT...

* REUNIÃO DE CÂMARA DE 11 A...

* REUNIÃO DE CÂMARA DE 28 D...

* REUNIÃO DE CÂMARA DE 14 M...

* DIA INTERNACIONAL DA MULH...

* Reunião de Câmara 29/Feve...

* R. CÂMARA 15/FEVEREIRO e ...

* Reunião de Câmara de 1 de...

* Reunião de Câmara de 18 d...

* Reunião de Câmara de 11/J...

* Ano Novo

* Onde começa e acaba o esp...

* DIA DE Nª. Sª. DA CONCEIÇ...

* Cartinha ao Menino Jesus

* UMAS «FÉRIAS» MERECIDAS

* Reunião de Câmara de 19 d...

* SEXTA À NOITE

* Lembram-se da História?

*tags

* mensagens

* noticias

* o meu diário

* reuniões de câmara

* todas as tags

*arquivos

* Outubro 2012

* Agosto 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Fevereiro 2012

* Janeiro 2012

* Dezembro 2011

* Outubro 2011

* Setembro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Junho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Agosto 2010

* Julho 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

*links

*Visitas desde 09.11.2

web tracking

*estar atento

blogs SAPO
RSS